Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/07/19 às 15h36 - Atualizado em 24/07/19 às 15h36

Escolha dos conselheiros tutelares: aberto prazo para entrega de documentação dos aprovados no processo seletivo

COMPARTILHAR

 

Os aprovados no processo seletivo para escolha dos conselheiros tutelares do Distrito Federal devem entregar, a partir desta quinta-feira (25), os documentos para comprovação dos requisitos exigidos pelo cargo. O prazo segue até as 18h de domingo, dia 28 de julho. Os candidatos devem enviar imagem legível da documentação via upload, para o site http://www.cebraspe.org.br/concursos/ct_df_19. A lista com os aprovados e de convocação para a entrega de documentos e registro de candidatura foi publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (24), acesse: https://bit.ly/2JYzHr3

 

Em relação à documentação, os aprovados devem comprovar experiência de no mínimo três anos em políticas de proteção, promoção e defesa dos direitos da criança e do adolescente. Nesse item, serão aceitas declarações emitidas por entidade regularmente registrada a mais de um ano no Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente (CDCA/DF) ou no Conselho de Assistência Social do Distrito Federal (CAS/DF), contendo função, período e atividades exercidas. Também serão consideradas válidas atividades profissionais comprovadas com contrato de trabalho, registro na carteira de trabalho ou certidão expedida por órgão público.

 

É exigido dos candidatos ainda o envio de certificado ou declaração de conclusão do ensino médio, certidão de quitação eleitoral, declaração de não ter sofrido sanção de perda de mandato de conselheiro tutelar e declaração de residência de no mínimo dois anos na região administrativa do respectivo conselho onde pretende atuar. A lista completa da documentação está disponível neste link: https://bit.ly/2GqpAdD

 

O resultado provisório na segunda fase – análise de documentação e registro da candidatura será publicado no Diário Oficial do Distrito Federal e divulgado na internet na data provável de 2 de agosto de 2019.

 

Votação: Após a comprovação dessas informações, será possível o registro da candidatura, que é individual. Quem irá definir os próximos conselheiros tutelares é a população, por meio do voto direto e secreto no dia 6 de outubro de 2019. Cada eleitor poderá votar em um candidato da região administrativa correspondente à seção onde o título de eleitor esteja registrado.